top of page

Confira como foi o Plantio Global 2024


Montagem com o logo do plantio global e a foto tirada com os participantes do evento
Plantio Global 2024 – Vila Mariana

O Plantio Global 2024 foi realizado no último domingo, 17 de março, na Av. Dr. Dante Pazzanese, na Vila Mariana. O programa é uma iniciativa do CADES (Conselho Regional de Meio Ambiente, Desenvolvimento Sustentável e Cultura de Paz) e Agenda 2030 da Vila Mariana, anualmente realizado com o apoio da Subprefeitura da Vila Mariana e Secretaria Municipal do Verde e Meio Ambiente (SVMA).


O Plantio Global é um convite para promover uma ação colaborativa e comunitária que congrega diversos grupos que já realizam plantios em suas localidades, buscando ainda incentivar a criação de novos grupos. O evento é aguardado pelos moradores, e o local já virou referência para a população, também por fazer parte do Corredor Verde para Polinizadores (CVP), que se inicia na frente do Instituto Biológico, e se conecta com a Floresta Urbana na Praça Soichiro Honda.


Em 2024, a “missão” foi, além de repor e plantar algumas mudas de árvores nativas e herbáceas, cuidar das árvores pré-existentes e/ou plantadas nos Plantios de 2017, 2018, 2019 e 2023 à Av. Dr. Dante Pazzanese. 


Aconteceram várias oficinas envolvendo o público em boas práticas de plantio, reconhecimento de espécies do CVP, cuidado e manutenção das árvores urbanas. Além de oficinas feita por crianças para crianças, com bolas de sementes e pintura com tintas naturais, dentre outras atividades.



Já na 6ª edição, o programa se fortalece a cada ano, aproximando e obtendo apoio de diversos grupos de iniciativas privadas de cuidados ao meio ambiente com o poder público. Sua proposta é promover conhecimento e envolvimento da população nos cuidados com a flora paulistana. 


Alinhado com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 da ONU, o Plantio Global também estabelece uma prática que ajuda a promover o entendimento do PMAU, que é um instrumento para definir o planejamento e a gestão da arborização no Município de São Paulo, visando o aumento da resiliência da cidade às mudanças climáticas, a qualificação da paisagem e a satisfação da população, considerados os pressupostos da ecologia e das cidades inteligentes. E que tem como base o planejamento e ações participativas.




A engenheira agrônoma e coordenadora do Plano Municipal de Arborização Urbana (PMAU) Priscilla Cerqueira, relata a importância do Plantio junto às ações da Prefeitura: “O Plantio Global é um programa que está em consonância com o PMAU, já que as atividades desenvolvidas nele estão vinculadas com as ações do Plano no incentivo à participação social, de plantio e manutenção das mudas arbóreas, assim como às ações de divulgação de conhecimento sobre as espécies e a importância da arborização no contexto geral do meio ambiente”.   


Título de Cidade Árvore do Mundo


Na data também foi comemorado o título de “Cidade Árvore do Mundo” para a cidade de São Paulo. O título é concedido pela Fundação do Dia da Árvore (Arbor Day Foundation) e a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO/ONU). A premiação ocorre pelo terceiro ano seguido, com o certificado “Tree City of the World”. Além de São Paulo, outras 33 cidades no Brasil receberam o prêmio em 2023. 




Para o reconhecimento 5 critérios são levados em conta: se responsabilizar com as árvores urbanas, construir políticas de arborização, avaliações de árvores e florestas, possuir um orçamento anual e receber celebrações de conquistas; ou seja, São Paulo cumpriu bem com todos esses requisitos para receber o certificado. A Secretaria do Verde e do Meio Ambiente foi responsável pelo plantio de 84.037 árvores por incremento, compensação e reparação ambiental, no ano passado.


O Plano Municipal de Arborização Urbana – PMAU foi um dos responsáveis por fazer com que São Paulo consiga manter o título de Cidade Árvore: desde 2020, começo de sua implementação, foram realizadas diversas ações para plantios comunitários estimulando a participação da sociedade civil. Eles fazem parte do capítulo “Envolver” do PMAU e ajudaram o município a conquistar essa qualificação.


A AVM participa dos plantios e sempre apoia a ampla divulgação no território.


Comments


bottom of page